jejum intermitente

Cuidados ao fazer jejum intermitente

Quando o assunto é dieta, não faltam ideias mirabolantes que prometem resultados milagrosos. Antes de seguir qualquer uma dessas dicas, é preciso tomar muito cuidado para não colocar a sua saúde e o seu bem-estar em risco. O jejum intermitente é uma técnica que vem se popularizando cada vez mais entre as pessoas que querem acelerar os resultados do processo de emagrecimento. Mas será que esta dieta funciona mesmo? Ou será que ficar sem se alimentar desta maneira é perigoso?

Neste artigo, vamos explicar tudo que você precisa saber para fazer o jejum intermitente sem prejudicar a sua saúde.

O jejum intermitente funciona?

O jejum intermitente é uma técnica na qual periodicamente saltamos certas refeições. Mas será que ficar tanto tempo sem se alimentar de fato funciona para emagrecer? 

Antes de aderir a qualquer dieta da moda, é preciso analisar a sua eficácia. Neste caso, analisaremos os efeitos do jejum intermitente na perda de peso. 

Um estudo publicado no Journal of Obesity and Metabolic Syndrome analisou os efeitos do jejum intermitente sobre a perda de peso. O estudo seguiu dois grupos de pessoas obesas com uma gama de IMCs: um grupo praticou o jejum intermitente e outro grupo não. Ambos os grupos foram mantidos a um limite calórico e incentivados a se exercitar regularmente. 

Após 8 semanas, aqueles que estavam em jejum perderam, em média, mais 2 quilos do que aqueles que não haviam jejuado e também acharam mais fácil manter seu plano de dieta. Curiosamente, ambos os grupos perderam peso igualmente bem; o jejum intermitente não foi mais eficaz do que apenas seguir dietas regulares em termos de resultados de perda de peso.

A ideia básica por trás do jejum intermitente é evitar qualquer ingestão de alimentos por um certo período de tempo. Esta técnica se baseia no conceito de que nosso corpo precisa descansar e se recuperar do esforço físico ao qual foi submetido durante o dia. O jejum intermitente tornou-se popular entre as pessoas que querem perder peso de forma rápida e saudável, sem fazer exercícios excessivos ou comer alimentos desequilibrados com dietas extremas. 

De acordo com pesquisas, o jejum intermitente ajuda a controlar a fome, transforma o humor, reduz o desejo e dá mais energia ao longo do dia. Mas será que estes benefícios compensam os riscos potenciais? Alguns profissionais não estão convencidos de que esta dieta seja saudável porque coloca seu corpo sob estresse. Para entender o que queremos dizer, vamos ver como este tipo de dieta afeta suas funções corporais.

O jejum intermitente é seguro?

O jejum intermitente é uma técnica que algumas pessoas utilizam para acelerar o processo de perda de peso. Ela envolve a alternância de períodos de jejum com períodos de alimentação. A forma mais comum de jejum intermitente é o método 16:8, que envolve um jejum de 16 horas seguido por uma janela de alimentação de 8 horas. Há também outras variações, como a dieta 5:2 e a dieta diurna alternada. 

Tem sido demonstrado que este tipo de dieta pode ser saudável se for feita corretamente. Diversos estudos têm mostrado que as pessoas perdem peso sem qualquer diminuição de sua massa muscular neste tipo de dieta. Entretanto, há também indicações de que o jejum intermitente pode não ser tão seguro quanto parece à primeira vista. 

Se feito de maneira incorreta, este tipo de dieta pode levar a desequilíbrios hormonais. Além disso, pode afetar negativamente seu ciclo do sono e causar fadiga e má qualidade de vida entre adolescentes que fazem uso do jejum por mais de três meses. Mulheres grávidas e pessoas com diabetes ou hipoglicemia devem tomar cuidado e consultar um nutricionista antes de aderir à prática, já que estas condições de saúde não se beneficiam do jejum.

4 precauções para fazer jejum intermitente com segurança

Para fazer jejum intermitente sem prejudicar sua saúde, você deve tomar as seguintes precauções: 

1. Certifique-se de ter um estilo de vida saudável 

O jejum intermitente não é uma cura milagrosa. É apenas mais uma maneira alternativa de perder peso e mantê-lo fora. Muitas pessoas acabam fazendo o jejum intermitente sem adotar uma rotina saudável, e por isso acabam ganhando todo o peso de volta quando encerram um ciclo da dieta. Portanto, você não deve fazê-lo por si só, mas além de outras medidas que promovem a boa saúde, tais como comer alimentos saudáveis e manter um estilo de vida ativo.

2. Beba muita água e cuide de seus níveis de hidratação 

Beber água já é essencial para manter a saúde do seu corpo, e quando se faz uso do jejum intermitente, é ainda mais importante. Seu corpo precisa de água para remover as toxinas e para regular a temperatura, entre outras coisas. Se você sofre de desidratação, isso pode levar a muitos problemas como dores de cabeça, tonturas ou prisão de ventre, entre outros. Portanto, mantenha-se bem hidratado durante todo o dia! 

3. Não combine o jejum intermitente com outras restrições 

Claro, o jejum intermitente não é uma carta branca para comer alimentos não saudáveis em todas as suas refeições. No entanto, ao fazer uso desta técnica, é importante não combinar a técnica com outras restrições alimentares. Lembre-se de que seu corpo já vai sofrer com a falta de alimento por algumas horas, e por isso restringir tipos específicos de alimentos ou bebidas pode ser prejudicial. Além disso, esse tipo de dieta também não é desculpa para pular refeições durante o dia.

4. Tenha orientação profissional

Qualquer dieta na internet pode ser extremamente prejudicial para a sua saúde se você não tem a orientação de um profissional adequado. Por isso, fazer a consulta com o nutricionista é fundamental para ter bons resultados no jejum intermitente. Assim, você tem ajuda para montar um plano de refeições condizente com os seus objetivos e ainda recebe todo um acompanhamento durante a dieta.

A orientação profissional adequada também é importante para escolher a melhor atividade física de acordo com os seus objetivos. Além disso, o educador físico vai ensinar a se exercitar sem causar lesões. Confira 8 dicas para prevenir lesões no esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.